“Era uma vez em …Hollywood” é o ápice do diretor Tarantino

O nono longa metragem do diretor americano Quentin Tarantino, “Era uma vez em… Hollywood” tem previsão de estréia no Brasil no próximo dia 15 deste mês e recebe calorosos elogios desde sua exibição no Festival de Cannes deste ano. Tarantino é dono de uma filmografia marcante na historia do cinema moderno, que inclui obras como : “Cães de aluguel”, “Django livre” e o inesquecível “Pulp Fiction”. Observadores comentam que seu novo filme, ambientado na Los Angeles de 1969, é o seu melhor trabalho desde “Pulp Fiction”.
Tarantino está “em casa”, lidando com os bastidores das celebridades hollywoodianas do final dos anos 60. Os atores Leonardo Di Caprio e Brad Pitt, galãs consagrados, imprimem mais credibilidade ao filme que, também, se cruza com os trágicos eventos que culminaram no assassinato da atriz Sharon Tate, nas mãos do maníaco Charles Manson e seus seguidores, que invadiram a mansão do cineasta Roman Polansky, casado com a atriz na época. Polansky escapou da tragédia pois estava em viagem à Europa. A atriz Margot Robbie interpreta Sharon Tate. Há uma belíssima reconstituição do cenário de Los Angeles na época. O filme traz, ainda, breves aparições das lendas “Bruce Lee e Steve Mcqueen”. Um grande filme que consagra um grande cineasta.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXE SEU COMENTÁRIO