O lendário herói Zorro completa 100 anos

Criado pelo escritor norte americano Johnston Mcculley em agosto de 1919, para ser herói de uma série de livros populares de bolso, o herói mascarado de capa, espada e todo vestido de preto, Zorro (a Raposa em espanhol), tornou se um dos personagens mais cultuados pelas várias gerações que o seguiram nas telas de cinema, na TV ou nos quadrinhos. Zorro surgiu no cinema em 1920 interpretado pelo ator Douglas Fairbanks, na época ainda do cinema mudo, outros atores carismáticos também viveram o herói com igual brilhantismo entre eles : Alan Delon, Tyrone Power, Frank Langella, Antonio Banderas. Mas nenhum marcou tanto quanto o argentino Guy Williams que o interpretou na série de TV dos estúdios Disney entre 1957-1961, Williams tinha um metro e noventa de altura e era esgrimista profissional, por isso sempre dispensou o uso de dublês nas cenas de duelo mesmo quando havia riscos verdadeiros. O escritor Mcculley se inspirou em um bandoleiro mexicano que viveu na Califórnia no século 19 defendendo índios humildes da exploração de mineiros tiranos.

Zorro inspirou vários escritores e artistas pop como o quadrinhista Bob Kane, que se inspirou no seu visual para criar o super herói “Batman” ; o poeta chileno Pablo Neruda dedicou a ele a sua única peça de teatro e a escritora também chilena Isabel Allende, lançou um romance sobre o personagem que ela considera “uma mistura de Peter Pan e Robin Hood”. Atualmente há uma peça de teatro em São Paulo sendo encenada sobre o Zorro e um novo filme está em produção em Hollywood com o ator Gael Garcia Bernal, ao todo já foram realizados mais de 50 filmes sobre o Zorro mundialmente. Don Diego de La Vega que é o seu alter ego, filho de um rico fazendeiro californiano é o oposto do Zorro, um almofadinha acomodado, mas quando veste a capa, a espada e a máscara se transforma no defensor dos fracos e oprimidos.

Mostre mais

Artigos relacionados

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios