Semas indica pouca chuva para o restante do mês de setembro

Uma análise climática feita pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas) indica, com base no histórico de dados climatológicos da Região Metropolitana de Belém (RMB), que, assim como agosto, setembro também apresentará baixo índice pluviométrico, com pouca quantidade de chuva, que ficará em torno de 140 milímetros (mm), geralmente distribuídos em rápidas pancadas de chuva.

Essa situação é causada pelas condições e características fisiográficas da região, em virtude de vários fatores atmosféricos, incluindo a circulação do vento. Durante o ano, a Região Metropolitana de Belém possui dois períodos diferentes no que diz respeito a distribuição de chuvas: o período chuvoso, entre dezembro e maio, no qual ocorrem 73% do total de chuvas nas cidades; e o período menos chuvoso, de junho a novembro.

Segundo o diretor de Meteorologia e Hidrologia da Semas, Antônio Sousa, no mês de agosto, o total de chuva registrado na estação climatológica convencional do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) foi de 102,6 mm de chuva, pouco mais de 81% da média para o mês, que é de 126,4 mm. “É valido ressaltar que, com exceção a primeira semana, as chuvas em agosto aconteceram com frequência normal, pois tivemos 18 dias com registro de chuvas na estação, e as pancadas de chuvas durante a última semana do mês contribuíram para que o quantitativo mensal ficasse próximo da normalidade”, explicou.

Ainda de acordo com a análise climática, para o mês de setembro espera-se comportamento semelhante ao ocorrido em agosto na Região Metropolitana de Belém, já que os volumes médios mensais para os dois meses se assemelham: 126,4 no mês de agosto e 144,8 em setembro.

Por Nilson Cortinhas

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Artigos relacionados

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios